tv semana grupo semana
     

PUBLICIDADE

Notícias
Após derrota vexatória, Levi Culpi é demitido do Atlético
Data publicação 11/04/2019

O treinador Levir Culpi foi demitido na tarde desta quinta-feira (11), após o Atlético ser goleado por 4 a 1 pelo Cerro Porteño-PAR, no Paraguai, em partida válida pela fase de grupos da Copa Libertadores; foi a terceira derrota em quatro jogos, o que coloca o time mineiro praticamente fora da briga por uma vaga nas oitavas de final.

Essa foi a quinta vez que o treinador passou pelo Atlético. Em sua primeira passagem pelo clube, conquistou o Campeonato Mineiro de 1995 e obteve a 7ª posição no Brasileirão do mesmo ano. Passou por alguns clubes até voltar ao Atlético no ano de 2001. Montou uma grande equipe, com jogadores experientes, que acabou eliminada nas semifinais do Brasileirão de 2001 em um jogo atípico contra o São Caetano-SP no Anacleto Campanella. No ano seguinte chegou às semifinais da Copa do Brasil, mas esbarrou na, até então, modesta equipe do Brasiliense-DF. Apesar de ter feito boas campanhas nas suas duas primeiras passagens, foi apenas na terceira que o técnico marcou história no Galo.

No pior momento da história do clube - em 2006 -, Levir chegou com a missão de tirar a equipe da incômoda 14ª posição do Brasileiro da Série B. E com um bom trabalho, o treinador deu uma reviravolta com a equipe, conquistando de forma brilhante o campeonato, retornando com o Atlético à elite nacional. Com a volta do clube à elite nacional, a diretoria alvinegra confirmou a renovação de contrato do treinador por mais uma temporada. No ano seguinte, iniciou o Campeonato Mineiro de forma irregular, mas levou o clube à decisão contra o maior rival. Venceu o primeiro jogo numa goleada histórica - 4 a 0 - e mesmo com a derrota no segundo jogo por 2 a 0, conquistou o 39º estadual alvinegro. No dia 7 de maio, aceitou uma proposta milionária para dirigir o Cerezo Osaka do Japão, que naquele momento figurava na segunda divisão do Campeonato Japonês e deixou o clube mesmo com o contrato em vigor.

Durante 6 temporadas e meia, dirigiu a equipe em duas passagens. Após se desligar do Cerezo Osaka em 2011, foi contratado no ano seguinte com a missão de tirá-lo da zona de rebaixamento da J-League. Com 5 vitórias, 4 empates e 3 derrotas, o treinador evitou a queda da tradicional equipe e acertou mais um ano no comando técnico.

Desempregado desde o início de 2014, Levir Culpi acertou sua volta ao Galo após reunião feita com o presidente Alexandre Kalil na cidade de Curitiba. Após a demissão de Paulo Autuori, Levir acertou seu 3º retorno ao Galo.

No ano do retorno, Levir comandou o Atlético na épica conquista da Copa do Brasil, com vitória sobre o maior rival na final. O treinador também adicionou ao seu currículo a Recopa. No ano seguinte, o treinador conquistou o Campeonato Mineiro de 2015.

Ao final do Brasileirão de 2015, Levir deixou o Atlético. O treinador ainda teve passagens por Fluminense-RJ e Santos-SP entre 2016 e 2017.

Em outubro de 2018, após a saída de Thiago Larghi, Levir Culpi acertou seu 4º retorno ao Galo, iniciando sua 5ª passagem pelo clube.

Números do curitibano à frente do alvinegro:‬

‪Jogos (total): 320 ‬
‪Vitórias: 172‬
‪Empates: 66‬
‪Derrotas: 81‬

‪Em 2019:‬

‪Jogos: 22‬
‪Vitórias: 14‬
‪Empates: 4‬
‪Derrotas: 4.** Com Galo Digital

FALE CONOSCO
grupoasemana@gmail.com
333322-1212
RUA JOAO DA SILVA ARAUJO, Nº 8 - SL304
CENTRO | CARATINGA-MG


Copyright JORNAL A SEMANA - © 2019 - Todos os direitos reservados.