tv semana grupo semana
     

PUBLICIDADE

Notícias
Dr. Welington assina contrato com o Casu-Hospital
Data publicação 05/10/2018
Na manhã de quarta-feira, 03, aconteceu a tão esperada assinatura do contrato de prestação de serviços entre a Prefeitura de Caratinga e o Casu-Hospital Irmã Denise, possibilitando à instituição o atendimento através do Sistema Único de Saúde (SUS). O ato aconteceu no Gabinete do Prefeito. O documento foi assinado pelo prefeito Welington Moreira de Oliveira, o Dr. Welington, pelo diretor-executivo da Fundação Educacional de Caratinga,  Antônio Fonseca da Silva, pela diretora do Casu-Hospital, Daniela Fonseca Genelhu, pela secretária de Saúde, Jaqueline Marli dos Santos, e pelo advogado Francisco Machado. Também participou do ato de assinatura do contrato a diretora do Instituto de Ciências da Saúde (Incisa), Raquel Carvalho Ferreira.
 
Durante a solenidade, Dr. Welington explicou os motivos para o contrato não ter sido assinado anteriormente. “Visando realizar uma administração responsável e voltada para a legalidade, a partir do momento que surgiu a possibilidade da assinatura desse contrato, buscamos saber em quais circunstâncias havia sido feita a autorização da Secretaria de Estado de Saúde e se haveria algum prejuízo para o Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, caso assinássemos o convênio com o Casu. Após diversas reuniões, em Belo Horizonte, quando tivemos a certeza que não haveria prejuízo para o Hospital e nem para o município, e diante da publicação do Ministério da Saúde do credenciamento de 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), concluímos que o melhor para a população era a assinatura do contrato”.
 
Em seu pronunciamento, quando agradeceu ao prefeito Dr. Welington, o diretor-executivo da Funec, Antônio Fonseca, agradeceu ao deputado estadual Adalclever Lopes (MDB), presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), ao deputado estadual Sávio Souza Cruz, ex-secretário de Estado de Saúde, que usaram de seus prestígios junto ao Governo do estado para agilizar o processo de credenciamento do Casu-Hospital junto ao SUS, bem como o credenciamento ao Ipsemg. Ele agradeceu, ainda, ao diretor de A Semana, Carlos Roberto Carraro, que realizou várias viagens à capital mineira para tratar de assuntos referentes ao Casu-Hospital, intermediando reuniões e audiências com o secretário de Saúde e com o presidente da ALMG.
 
Casu-Hospital
De acordo com Daniela Fonseca, diretora do Casu-Hospital Irmã Denise, a unidade hospitalar, localizada na Rua Niterói, no Bairro das Graças, próximo ao Campus II do Centro Universitário de Caratinga (UNEC), conta com uma estrutura de grande centro, profissionais capacitados em diversas especializações médicas e tecnologia de ponta, que serão disponibilizados aos pacientes do SUS. “Vamos oferecer equipamentos modernos, uma UTI com toda a complexidade que se vê nos melhores centros de referências nacionais, com infraestrutura para atender patologias diversas. Não vamos mais precisar enviar nossos pacientes para fora. É uma satisfação muito grande saber que o trabalho de 10 anos do CASU, agora vai poder ser entregue a população mais carente”.
 
A partir de agora, os pacientes que serão internados no Casu-Hospital  através do SUS, terão acesso a leitos para clínicas médicas, pediátricos, cirúrgicos e 10 leitos de UTI Adulto.  Além disso, o hospital conta com um Centro Cirúrgico, composto por três salas cirúrgicas, com capacidade técnica para cirurgias de média e alta complexidade.
 
UTI
Segundo Daniela Fonseca, na segunda-feira, 1º, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) a portaria do Ministério da Saúde nº 3005, de 19 de Setembro de 2018, habilitando 10 leitos de UTI Adulto, tipo II, do Casu-Hospital Irmã Denise aos pacientes do SUS, além de estabelecer recurso do Bloco de Custeio das Ações e Serviços Públicos de Saúde a ser incorporado ao Grupo de Atenção de Média e Alta Complexidade Ambulatorial e Hospitalar (MAC) do Estado de Minas Gerais e do município de Caratinga. 
 
Como ressalta Antônio Fonseca, a assinatura do contrato e a habilitação dos leitos de UTI representam uma enorme melhoria no atendimento hospitalar disponível à população de Caratinga e dos demais municípios da microrregião, evitando que os pacientes sejam obrigados a serem encaminhados para hospitais de outras regiões do Estado.
 
Atendimentos
É importante destacar que os usuários do SUS não serão atendidos diretamente no Casu-Hospital, não cabendo a eles definir em qual unidade hospitalar serão internados, conforme esclarece Daniela Fonseca. “O fluxo de entrada dos pacientes do SUS no Casu-Hospital Irmã Denise será estabelecido, através da Secretaria Municipal de Saúde e da Superintendência Regional de Saúde (SRS) de Coronel Fabriciano, ainda durante a semana. A princípio a porta de entrada para os pacientes do SUS que o município de Caratinga possui é a UPA (Unidade de Pronto Atendimento), onde os pacientes serão direcionados à internação, através da solicitação de vaga do SUS-Fácil, ao Casu. Existe uma regulação, em todas as vagas do Estado, e as vagas, a partir de agora, poderão ser direcionadas ao Casu-Hospital”.

FALE CONOSCO
grupoasemana@gmail.com
333322-1212
RUA JOAO DA SILVA ARAUJO, Nº 8 - SL304
CENTRO | CARATINGA-MG


Copyright JORNAL A SEMANA - © 2018 - Todos os direitos reservados.